Notícias

Estudante de Arquitetura do SENAI CIMATEC se prepara para World Skills 2021

O estudante Daniel Araújo, do curso de Arquitetura e Urbanismo do Centro Universitário SENAI CIMATEC participou, junto ao Professor orientador Bruno Leão, de um treinamento que envolve estudantes, professores e pesquisadores da ciência e tecnologia dos diferentes países que compõem o BRICS para a competição World Skills 2021.


Worlds Skills é uma competição internacional, que terá a sua 46º edição realizada em Xangai, na China, em 2021. O objetivo da competição é fomentar a conexão entre países e profissionais do mundo inteiro para construção de soluções inovadoras para a Indústria 4.0.  Além de promover competições, o evento ainda realiza conferências com importantes nomes do mercado (entre professores e pesquisadores ligados às indústrias) e fomenta a construção de projetos voltados para atender às demandas sociais a partir da ciência, tecnologia e inovação.  

Enquanto a competição internacional não chega, os experts e competidores começam a se preparar em treinamentos e competições nacionais para aperfeiçoar ideias e desenvolver projetos como um preparativo para Xangai. Essa fase, que ganhou o nome de Future Skills Camp, tem como objetivo o aprimoramento das habilidades de profissionais e estudantes para a criação de soluções inovadoras a partir do desenvolvimento e aplicação das tecnologias digitais. As etapas de treinamento cumpriram uma programação virtual, que contemplou mentorias e proposições de projetos de diferentes áreas do conhecimento. 

O Future Skills Camp representa mais do que apenas um concurso. Esta etapa permite o envolvimento e a criação de redes entre países parceiros, possibilitando o fortalecimento de uma rede de colaboração entre especialistas espalhados pelo mundo. Para o Professor Bruno Leão e o estudante de Arquitetura Daniel Araújo, que desenvolveram um projeto em BIM, a fase de treinamento teve grande relevância. Bruno conta que “O BIM é um dos paradigmas mais importantes e de maior destaque na construção civil atualmente. Representar o Brasil e o CIMATEC, como Expert em BIM, ao lado de um aluno da graduação de Arquitetura e Urbanismo é uma experiência ímpar, que mostra o quanto o nosso curso está preocupado e alinhado com os objetivos internacionais de formação dos futuros profissionais da indústria da construção. 

Após a fase de mentorias, desenvolvimento de projeto e treinamento, os participantes passam para uma etapa de competição que envolve os cinco países que compõem o BRICS. Para o diretor executivo de relações internacionais do SENAI, Frederico Lamego “O concurso anual BRICS Future Skills Challenge é um importante marco de reconhecimento da importância do desenvolvimento das aptidões fundamentais, da indústria 4.0 e da educação técnica e vocacional para a agenda de desenvolvimento dos BRICS”.  

É importante reconhecer que os países deste bloco econômico enfrentam muitos desafios para o crescimento sustentável. Portanto, a cooperação entre os cinco países (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul), através do compartilhamento de conhecimentos, é muito valiosa para a construção de soluções inovadoras e coletivas, que contribuem para a transformação dos cenários industriais e tecnológicos 

Para o estudante e competidor Daniel Araújo, participar do BRICS Future Skills Challenge foi uma experiência muito importante para o desenvolvimento acadêmico e profissional: “Participar dessa competição-treinamento é sem dúvidas muito importante para mim como aluno, para o CIMATEC como instituição acadêmica e para o nosso país. Sabemos da tamanha relevância que são esses encontros internacionais pelo fomento à troca de conhecimento e experiências. O de objetivo formar profissionais de impacto por meio de habilidades da área de tecnologia com grande potencial para o desenvolvimento dos países participantes e para o mundo no geral é uma grande oportunidade para o meu desenvolvimento (e dos outros participantes) em uma modalidade inovadora no ramo da construção civil que é o BIM, conhecer e realizar networking com pessoas de outras nacionalidades, expandir horizontes e abrir portas para novas possibilidades, além de poder agregar valor para o meu país. 

E não acaba por aqui… Além do certificado de participação Future Skills Camp, os participantes que concluírem o projeto de teste receberão um Skills-passport (passaporte de habilidades). As próximas etapas incluem uma seletiva nacional e outra internacional até a competição do World Skills, na China, em 2021. É com muito orgulho que o Centro Universitário SENAI CIMATEC reconhece a participação do Professor Bruno Leão e do estudante Daniel Araújo! 

Xangai, estamos preparados!  

#OrgulhodeSerCIMATEC 

 

 

 

0 0 vote
Article Rating
Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x